sábado, 26 de julho de 2008

Portugal perde na final do Europeu


A selecção nacional de Hóquei foi hoje derrotada pela Espanha por 1-o em mais uma final do Europeu da modalidade.

Com esta vitoria a Espanha conquista o 5 campeonato Europeu consecutivo.

Foi um jogo equilibrado mas que Portugal acabou por dominar.

Luís Sénica estava satisfeito com o desempenho da equipa enaltecendo a luta que Portugal teve e deixando uma mensagem de animo aos jogadores por este triste fim depois de um campeonato da Europa de grande nível.

Mas criticando abertamente a equipa de arbitragem afirmando que Portugal foi "puxado para baixo " afirmou que Portugal tem razões de queixa ao ser anulado um golo e não ser assinalada uma grande penalidade a favor de Portugal.

Volta a Portugal do Futuro



O ciclista do Benfica Rui Costa ganhou a etapa 4ª da Volta Portugal do Futuro ao sprint a Tiago Pais (Santa Maria da Feira) numa tirada entre Ansião e Condeixa-a-Nova, na distância de 148,9 quilómetros.


Quando falta apenas uma etapa, José Martins mantém 16 segundos de avanço sobre João Benta (Santa Maria da Feira) e 18 sobre Carlos Sabido, seu companheiro de equipa.

José Martins tem 131 quilómetros entre Condeixa-a-Nova e Oliveira do Bairro, para defender a camisola amarela, num percurso com duas contagens de montanha de terceira categoria.

Portugal perde com Brasil nas Meias Finais do Mundial

Portugal perdeu hoje o jogo em que se podia qualificar para a final do Mundial que se realiza em Marselha ao perder com o Brasil por 4-5.

O jogo foi bastante emotivo mas no fim o Brasil acabou por ser mais forte e assegurou a passagem a final em que jogara contra a Itália que venceu a Espanha por 1-0 em GP depois de no tempo regulamentar se registar um empate a 4-4.

Enquanto que Portugal jogará com a Espanha.

Torneio do Guadiana: Golos Benfica vs Blackburn Rovers

1-0 golo de Urretaviskaya(minunto 7)



1-1 golo de Pedersen(minuto 33)



1-2 golo de Roberts(minuto 35)



1-3 golo de Emerton(minuto 50)



2-3 golo de Makukula(minuto 67)



Penaltis(6-7)

video

Tour de France


Após 3 semanas de emoção e constantes mudanças na liderança chegamos hoje ao momento decisivo, um contra-relógio individual de 53 Km, com os 5 primeiros separados por apenas 2'39".
À partida o Australiano Cadel Evans, 4º classificado da geral, a apenas 1'34" do líder Carlos Sastre parece levar vantagem pois é um reconhecido especialista em contra-relógios mas Carlos Sastre promete muita luta e certamente tudo fará para continuar a envergar a amarela até Paris. Outro dos grandes candidatos é o Denis Menchov, 5º da geral e também ele um especialista em contra relógios, mas a diferença de 2'39" para Sastre e principalmente 1'05" para Evans não serão fáceis de recuperar.

Falta falar ainda do 2º e 3º classificados Frank Schleck e Bernhard Kohl respectivamente mas o facto de terem muitas dificuldades no contra-relógio coloca-os teóricamente fora da luta pela amarela e muito provavelmente fora do pódio final do Tour.

Outros ciclistas a ter hoje em atenção para a vitória na etapa são o campeão do Mundo da especialidade Fabian Cancellara, Jens Voight, Christian Vandevelde, David Millar, Stefan Schumacher, Danny Pate...

Mais logo pelas 17:00 já se deve saber quem saiu vencedor do contra-relógio e mais importante quem fica com a muito desejada camisola amarela...

Comentarios Treinador após Benfica Blackburn Rovers


Quique Flores:

Afirmou que viu algumas coisas que gostou mas afirma que com a entrada e saída de jogadores ainda não e possível fazer uma equipa
base, tentando por isso dar minutos a outros jogadores por forma a observa-los.




[Relativamente ao jogo] Quique delegou um comentário ao jogo a Fran escriba, este não quis fazer analises individuais, reconheceu erros mas disse que o resultado foi negativo mas que nem tudo foi mau.
Estivemos a ganhar e depois acabamos por ser controlados nos ultimos 20 minutos o vídeo vai ser muito útil para observarmos as coisas menos positivas, na segunda
parte dominamos.

[Relativamente ao plantel]
Gostei do que vi mas não quero fazer uma analise individual pois alguns jogadores apenas tem 2 ou 3 dias
de treinos preferimos fazer uma analise como um todo.

[Sobre a disciplina]
Mais do que indisciplina sofremos 2 golos de bola parada um reacção durante o jogo e imprevisível, bolas
paradas não. O vídeo ajudar a corrigir esses erros mas estivemos melhor do que contra o Estoril nesse capitulo.
Temos de estar bem no dia 24 de Agosto no inicio do campeonato.

[Relativamente ao jogo com o Sporting]
O Benfica como equipa que e deve tentar ganhar todos os jogos pois e isso que esperam os
adeptos. Sei que rivalidade com o Sporting e grande, mas vamos nos preparar para jogar como se fosse contra outra equipa
qualquer. Temos e de estar bem preparados no inicio do campeonato no dia 24 de Agosto.


[Ausência de Léo]
O Léo apresentava uma lesão no tornozelo, se fosse uma final ou um jogo do campeonato ele seria o primeiro pedir para jogar mas como e um jogo de pré época não quisemos arriscar.

[Se foi a última oportunidade para alguns atletas]
Não estamos a pensar nesse sentido queremos ver os jogadores e eles tem tido uma atitude correcta. Falaremos com o Director Desportivo Rui Costa mais tarde em relação a isso. neste momento o mais importante e trabalharmos para estarmos bem.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Análise: Benfica vs Blackburn


Foi com muitas caras novas que o Benfica se apresentou no primeiro jogo do Torneio do Guadiana, segundo na pré-época do Benfica. Quique Flores optou por usar de início atletas que, à excepção de Luisão e Urreta, têm mais tempo de pré-época. Para a segunda parte ficava guardada a estreia, há muito ansiada, do 10 argentino Pablo Aimar.

O Benfica apresentou-se num 4-4-2 com Moreira na baliza, sendo o quarteto defensivo composto por Luís Filipe, Luisão, Edcarlos e Sepsi. No meio campo Carlos Martins descaia para a direita e Nuno Assis para a esquerda, enquanto que Yebda e Fellipe Bastos jogavam no miolo. O, agora, júnior, mas muito promissor, Nelson Oliveira fazia dupla com a jovem promessa uruguaia Urreta.


O conjunto orientado por Paul Ince, iniciou o jogo com Jason Brown, Ooijer, Warnock, Mokoena, Ryan Nelsen, Steven Reid, Emerton, Tugay , Pedersen, Santa Cruz e Roberts, e ia alternando entre um 3-5-2 e um 4-4-2.

Nos bancos de Benfica e Blackburn ficaram, respectivamente:

Quim, Bruno Costa, Maxi, Zoro, Miguel Vítor, Sidnei, Léo, Petit, Katsouranis, Rúben Amorim, Binya, Balboa, Jorge Ribeiro, Aimar, Cardozo, Makukula e Nuno Gomes.

Fielding, Treacy, Alan Judge, Martin Olsson, Robbie Fowler, Hodge e Kane.


O Clube da Luz entrou bem no jogo, com Yebda a "varrer" o meio campo e Fellipe Bastos a construir, com incursões em ambas as alas, ora por Luís Filipe e Carlos Martins na direita, ora por Nuno Assis e Sepsi na esquerda, sendo que Urreta ia apoiando uma e outra ala.

Aos 7 minutos o conjunto de Quique Flores concretizou em golo o bom início de jogo com o 1-0.

Na sequência de um bom lance protagonizado por Carlos Martins, que veio ao centro do terreno para desmarcar Fellipe Bastos, que rematou à baliza de Brown. A bola sobraria para Urreta que de pé esquerdo e de primeira, atiraria a contar para a baliza dos ingleses.

Assistiram-se a momentos mais equilibrados, com Moreira a mostrar-se algo nervoso em dois dos lances em que teve que intervir.

Aos 24 minutos de jogo uma bela jogada de envolvimento por parte dos jogadores do Benfica, que, e sempre de primeira, foram progredindo no terreno. A jogada terminava com um remate de Fellipe Bastos que não passou muito longe do poste esquerdo da baliza do Blackburn.

Os ingleses começavam a ficar nervosos, com o bonito e eficaz futebol do Benfica, tentando impôr uma das suas maiores armas: o jogo físico. Este proporcionou umas entradas mais ríspidas por parte de alguns atletas do Blackburn, o que levou o árbitro a ter que intervir disciplinarmente.

Aos 32 minutos de jogo, e após uma falta cometida (mão) por Sepsi a meio do meio campo Benfiquista (descaído sobre a direita), Pedersen arrancava um remate fortíssimo que apenas pararia no fundo da baliza de Moreira, com a bola a entrar junto ao poste esquerdo do guardião português.

Adivinhavam-se muitas mexidas na equipa do Benfica para a segunda parte.

Aos 34 minutos, na sequência de um lançamento de linha lateral, nem Luisão nem Luís Filipe (este pressionado por Roberts) conseguem cortar o lance, e Roberts atira a contar sem hipóteses para Moreira.

Após uma entrada dura do jovem Fellipe Bastos, os jogadores do Blackburn trocaram-se de razões com o médio brasileiro. Na sequência Ooijer viu amarelo.


Pouco depois viria o fim da primeira parte. Fica na memória um bom início do Benfica, com boas trocas de bola (a espaços) em progressão. A partir dos 20 minutos o Blackburn teve um ligeiro ascendente, e ia vencendo por 1-2 ao intervalo.

Tal como esperado, o Benfica apresentou uma "segunda cara", no que a atletas diz respeito, na segunda parte.


Sendo assim, o Benfica iniciou a segunda parte com:

Moreira, Luís Filipe, Miguel Vítor, Katsouranis, Sepsi, Balboa, Binya, Rúben Amorim, Nuno Assis, Aimar e Makukula.

O Blackburn apresentou os mesmos 11 atletas.


A segunda parte começava com o Blackburn ao ataque. Jogada de insistência dos ingleses, com a bola a sobrar para Pedersen que, descaído sobre a esquerda, rematava para uma boa defesa de Moreira.

Aos 49 minutos um lance sobre o lado esquerdo do ataque do Blackburn (com Luís Filipe a marcar com os olhos) Pedersen tira um cruzamento ao segundo poste com Emerton a cabecear para o fundo da baliza encarnada. Estava feito o 1-3.

O Benfica ia criando perigo para a baliza do Blackburn. Primeiro Rúben Amorim (por cima) e depois Binya (interceptado), ambos os remates na sequência de cantos.

Balboa ia aparecendo em ambas as alas (tirando cantos), com Nuno Assis do lado contrário. Aimar aparecia ora à frente de Binya e Rúben Amorim (numa primeira fase), ora no apoio a Makukula (numa fase final dos lances de ataque).

Aos 63 minutos Maxi substituía Luís Filipe, que saiu tocado.

Aos 66 minutos Makukula fazia de cabeça o 2-3. Após uma recuperação de bola de Binya, este dá em Aimar que remata de pé esquerdo para uma boa defesa do guardião da equipa inglesa. A bola ganha altura e sobra para a cabeça de Makukula, que, sem dificuldade, faz golo.


Aos 68 minutos Fowler substitui Roberts.

Aos 69 minutos Jorge Ribeiro rendia Sepsi.

O Benfica ia procurando o empate, e este quase aparecia. A partir de um pontapé de canto (do lado esquerdo do ataque do Benfica), Makukula desvia para o segundo poste onde aparece Miguel Vítor, que tenta o golo com um remate acrobático e de primeira a meia altura. Brown defende bem.

Aos 78 minutos Judge e Olsson entram para os lugares de Tugay e Ooijer.

Aos 85 minutos Pablo Aimar recebe no peito e, desmarcado na área do Blackburn, senta o guarda-redes do clube inglês e já quase sem ângulo atira para a baliza, com Nelsen a negar o golo ao novo 10 da Luz.

Em cima da hora, e após um canto de Jorge Ribeiro, os jogadores do Benfica falham o remate (várias vezes) nas segunda e terceira vaga do ataque.

Após 3 minutos de compensação acabava o jogo com a primeira derrota na pré-época do Benfica. Ainda muita indefinição e muitas experiências de Quique Flores, que está claramente à procura daqueles que se irão manter no grupo. As derrotas nunca são positivas, mas nesta altura isso é o menos importante.


Por motivos de desempate no fim do Torneio, procedeu-se à cobrança de grandes penalidades.

1-0, Jorge Ribeiro atira junto e rasteiro ao poste esquerdo de Brown.
1-1, Reid bate para a direita de Moreira.
2-1, Maxi Pereira remata para o meio da baliza.
2-2, Judge bate como Maxi e bate Moreira.
3-2, Aimar remata rasteiro para o lado direito de Brown.
3-3, Fowler remata rasteiro para o lado direito de Moreira.
4-3, Katsouranis remata em força, com Brown ainda a tocar na bola.
4-4, Santa Cruz com força e para o meio da baliza.
5-4, Rubén Amorim remata a meia altura para o lado direito de Brown.
5-5, Pedersen, meia altura post direito.
6-5, Nuno Assis bate para o lado esquerdo de Brown.
6-6, Emerton faz mais um.
6-6, Binya permite a defesa de Brown.
6-7, Nelsen bate Moreira que ainda toca na bola.


Um último ponto para as estreias com a Camisola do nosso Benfica de Fellipe Bastos e do, ansiado, Pablo Aimar.

Jogo: Benfica vs Blackburn Rovers

O Onze do Benfica :
Moreira; Luís Filipe, Edcarlos, Luisão, Sepsi; Carlos Martins, Fillipe Bastos, Yebda, Nuno Assis; Urreta e Nelson Oliveira .

O Onze do Blackburn Rovers:
Bronn; Ooijer, Wranock, Tugay; Reid, Nelson; Emerton; Mokoena; Pedersen; Santa Cruz e Roberts.

Fim do jogo: 2-3 (Urreta 7', Makukula 67'; Pederson 33', Roberts 35', Emerton 50')

Penaltis: 6-7

Portugal na final contra a Espanha


A selecção nacional de hóquei em patins garantiu um lugar na final do Europeu depois de vencer a selecção italiana por 5-0.

Portugal foi para o intervalo a ganhar por dois zero, com golos dos benfiquistas Ricardo Barreiros e Valter Neves. Na segunda parte, os dois jogadores voltaram a marcar. Luís Viana fechou a contagem.

Na final Portugal irá defrontar a selecção Espanhola, que bateu a selecção francesa por 3-0.

Torneio do Guadiana


Este torneio realiza-se pela oitava vez, no ano passado foi ganho pelo Benfica.

Este ano o objectivo é alargar os mercados para a Inglaterra tendo em conta que nesta altura do ano existem muitos ingleses que passam ferias em Vila Real de Santo António.

O alinhamento do Torneio será:
Esta sexta feira dia 25 de Julho SL Benfica contra Blackburn Rovers.
Este sábado dia 26 de Julho Sporting CP contra BlackBurn Rovers
Domingo acontecera o tão esperado primeiro derby da temporada com um escaldante SL Benfica contra Sporting CP.

Convocados do lado do Benfica:

Guarda-redes: Moreira, Quim e Bruno Costa.

Defesas: Luís Filipe, Edcarlos, Luisão, Léo, Zoro, Miguel Vítor, Sepsi, Sidnei e Jorge Ribeiro.

Médios: Petit, Katsouranis, Aimar, Balboa, Fellipe Bastos, Maxi Pereira, Rúben Amorim, Binya, Carlos Martins, Nuno Assis e Yebda.

Avançados: Cardozo, Urreta, Makukula, Nuno Gomes e Nélson Oliveira.

Hoje será o primeiro jogo do torneio, em que o Sport Lisboa e Benfica joga com o Blackburn Rovers.

O jogo de hoje deverá ficar marcado pela estreia do Mago argentino, Aimar.

O jogo é às 21h15 h transmitido pelo segundo ano consecutivo pelo canal SIC.

Os Convocados do Sporting são:

Guarda-redes: Rui Patrício, Tiago, Ricardo Batista e Vítor Golas.

Defesas: Pedro Silva, Abel, Daniel Carriço, Polga, Caneira, Tonel, Ronny e Grimi.

Médios: Adrien Silva, Miguel Veloso, Rochemback, João Moutinho, Izmailov, Vukcevic, Pereirinha e Romagnoli.

Avançados: Derlei, Yannick Djaló, Rodrigo Tiuí, Hélder Postiga e Liedson.

Quem é Sidnei?


O novo reforço do Benfica, Sidnei Rechel da Silva Junior , é um defesa-central muito rápido e que sai bem a jogar. Pode jogar como "terceiro-central", fazendo de libro, ou ainda descaido para o lado direito da defesa.

O defesa tem 19 anos (nasceu no dia 23 de Junho de 1989), em Alegrete (Brasil), mede 1,85 metros e pesa 80 kg. É internacional pelas camadas jovens do Brasil, nomeadamente a selecção de sub-20, estando mesmo nos planos de Dunga para Pequim. Sidnei foi lançado por Abel Braga no Internacional de Porto Alegre.

Os encarnados pagaram cinco milhões de euros por metade do passe e Sidnei assinou por cinco anos, ficando com uma clausula de rescisão de 25 Milhões de Euros.

O jogador que já seguiu com a restante equipa para o Algarve, irá encontrar no Benfica a forte concorrência de Luisão e David Luiz, principalmente.

Aimar em dupla entrevista

Hoje saíram nas bancas duas entrevistas do novo número 10 do Benfica, Pablo Aimar.

"El Mago" concedeu uma entrevista a "A Bola" e outra ao Jornal "O Benfica".

Capa do Jornal "A Bola":Capa do Jornal "O Benfica":

Vídeo de apresentação da entrevista ao Jornal "A Bola":

Aqui

Portugal nas meias-finais

Portugal chegou às meias-finais de duas importantes competições: no Mundial de Futebol de Praia (Marselha) e no Europeu de Hóquei em Patins (Oviedo).


Em Futebol de Praia, depois da vitória de ontem frente ao Uruguai por 6-3, vamos defrontar o campeão do Mundo, o Brasil. O jogo vai ser disputado amanhã às 16:30 h.


Em Hóquei em Patins vencemos facilmente a selecção holandesa por 10-1. Hoje Portugal defronta a poderosa selecção italiana. O jogo está marcado para as 17:30 h e tem transmissão televisiva na RTP 1.

Apresentação de Jogadores


Ontem foram apresentados mais 3 jogadores para o Sport Lisboa e Benfica:

- Urreta (Extremo uruguaio, ex-River Plate do Uruguai, assinou contrato de 5 épocas);
- Jorge Ribeiro (Defesa esquerdo internacional português, ex-Boavista, assinou por 4 anos);
- Sidnei (Defesa-central brasileiro, ex-Internacional de Porto Alegre).

Sidnei, que assinou por 5 épocas, custou 5 Milhões de euros (50% do passe).

Vídeo da apresentação dos jogadores:



Foi também dito pelo Director Desportivo Rui Costa que ainda desejam mais 3 jogadores no máximo.

Benvindo ao Mundo Glorioso!


O Mundo Glorioso vai ser um espaço que irá acompanhar toda a actualidade benfiquista, do futebol às outras modalidades.

Iremos ainda acompanhar toda a actualidade desportiva, tudo o que se passa no desporto, por esse mundo fora.

A equipa do Mundo Glorioso é composta por seis elementos:o JM21, o ThunderBoy, , o Ronald1nh0, o 46 Rossi, o Platini e a Limonada.